CORRE CAMBADA FO$¨#DEU O HELTN VOLTOU!!!


VOLTEI MESMO SEUS FILHOS DA PUTA E VÃO TUDO TOMAR NO CU BELEZA???
eu voltei pra tocar o terror nessa merda e quero dizer uma coisa VÃO TUDO SE FODER essa é minha mensagem de feliz ano novo cambada de corno,Mikaru especial de natal foi finalizada entretando não vou publicar nunca NEVER vai se manter sob sigilo até o governo liberar,afinal tem muita mutreta por traz dessa edição reveladora.
Bem eu e a ex-patroa terminamos,então se garotas bonitas de idade entre 17-19 estiverem interessadas em um rapaz alto moreno e NERD,que esta quase vencendo pokémon,me procurem,agora que quiserem viadinhos igual o F%$#%$O VÃO SE FODER FILHOS DA PUT,VÃO LA COM ELE CARALHO,bem eu adoro a Ana e a Celene,o Pires é bacana e o resto da Cambada tambem o Rafael é legal pra caralho e é isso...bem...terminando o post com uma dica VÃO SE FODER E FELIZ ANO NOVO CARALHO CARALHO!!!

Reações: 

Fábio Porchat - Comédia em pé





Reações: 

Blastoise LOOL

Reações: 

Olympic wa Hi no Kuruma



Trying mayonaka no toiki
Do you want, do you want to give me a dream?
Trying furueru kobushi Get On
Do you want, do you want to give me a dream?

Akari sae mo yodon de moneru
Soko ga yatsura no tamariba sa
Obieta machi no naka kara
Ima kieru yatsura no sugata

Trying machi wo shigeki suru
Do you want, do you want to give me a dream?
Trying garasu no kaze no naka Get On
Do you want, do you want to give me a dream?

Munashisa nokoshite ate mo naku
Warai mo tsuyogaru rojiura de
Nakushita ashita wo sagashiteru
Tachiagaru yuuki wo motomete

Munashisa nokoshite ate mo naku
Warai mo tsuyogaru rojiura de
Nakushita ashita wo sagashiteru
Tachiagaru yuuki wo motomete

Trying mayonaka no toiki
Trying furueru kobushi Get On...

Reações: 

Ster, a terceira Reason!

Yeah, a criatura que escreveu o texto do post anterior vai se juntar a nós, mwhahahaha! (Sim, é a mesma Ster que o Helton zoava nos posts da Mikaru/Saicon.)

Anyway, logo logo ela posta aqui pra se apresentar pra vocês.

See ya!

Reações: 

Ser gordo ou não ser; eis a questão

De um certo tempo pra cá, o No~Reason virou um celeiro de vídeos toscos. Para quebrar essa onda de idiotices, uma amiga dos "Reasons" (leia-se: Ana e Helton) teve uma idéia excelente: um texto muito bom sobre preconceito. Thank you, Ster. :)


O que há de errado em ser gorda?

O preconceito não é apenas o racial. Depois de ver alguns sites, vídeos do YouTube e até mesmo séries e novelas da Globo, me deparei com um preconceito que convivo a vida toda: o preconceito contra a obesidade. Em Malhação, há uma garota que é chacota do colégio, a chamam de gorda, bolota e free-willy, quando a tal nada mais é que um pouco acima do seu peso "normal". A maioria dos adolescentes dão valor ao que seus amigos pensam, principalmente se é sobre o(a) tal ficante/namorado(a), enfim, seja lá o que for.

O pior de tudo é o que a própria TV passa aos seus espectadores. Que garoto(a) vai querer namorar um(a) gordinho(a), se na própria televisão isso é considerado “errado”?

Que diabos de exemplos de moral a Globo dá? É muito hipócrita fazer uma novela onde uma menina quase morre de anorexia, e alguns meses depois, transformar uma personagem, que nem barriga tem, na “baleia” da novela adolescente.

Qual é a graça em menosprezar uma pessoa gorda e reduzir a auto-estima dela, como se os magros fossem seres superiores?

A maioria das crianças são maldosas porque são sinceras, mas elas não nascem com o preconceito. Esse preconceito aparece através do que elas aprendem com seus familiares, amigos, com a televisão, e até mesmo com gibis, como os da Mônica. Tenho 15 anos, e desde que me conheço por gente, sou gorda. Cansei de ser rejeitada nas brincadeiras, ouvir piadinhas sem graça sobre gordas na escola, voltar pra casa chorando e ter que dizer a minha mãe que não queria ir para o colégio porque não gostava de estudar, sendo que sempre adorei aprender. Cansei de ouvir dos meus familiares: “mas você tem o rosto tão bonito”, como se o resto não significasse mais nada. A pior parte é quando você começa a gostar de uma pessoa, quando entra na adolescência, quando vai comprar roupas com seus pais, e nenhuma roupa bonita ficou bem e você, ou até mesmo entrou.

Muitas indústrias, para faturar, fazem a cabeça das pessoas para que elas acreditem que é errado ser gordo(a). Mesmo assim, existem pessoas que não precisam ver uma propaganda para sair por aí e rebaixar a auto-estima de pessoas acima do peso.

Hoje em dia é tão difícil arranjar uma roupa bonita, é tão dificil ver um(a) gordinho(a) estiloso(a). Se você colocar um jeans 42 de dez anos atrás em cima de um 46 de hoje, verá que eles têm o mesmo tamanho.

Só nós gordinhos sabemos o quanto esse preconceito machuca, o quanto nos impede de fazer coisas que gostamos. Eu por exemplo, caí em depressão, desisti na metade do ano com ótimas notas e fiquei dias trancafiada em casa. Depois de passar dias pensando, descobri que o preconceito vinha de mim mesma, que aquelas crianças que me desprezavam não estavam mais ali pra me deixar pra baixo, e então, resolvi mudar minha rotina. Não para ser gostosa e ouvir 24 horas por dia cantadas de pedreiro, muito menos pra sair pegando geral, e sim para me sentir bem com qualquer roupa e ter uma vida boa e saudável. Há dois meses atrás eu tinha 79 quilos; hoje, 67.

Sim, o preconceito contra a obesidade existe, até mesmo dentro de você.

Texto original criado pela Stephany.

Reações: 

Esquimó!



"Esse tatu morava na árvore, e ele gosta de ficar lá!"

Reações: 

Twisted Crust Pizza!

Fala a verdade, aquele moleque MERECEU aqueles tapas! AAAAAAAH BEM FEITO PRA ELE! AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA RÁÁÁÁÁÁ [/Saicon mode off]

Reações: 

Monty Python: Holy Grail, Life of Brian, Meaning of Life e Live at Hollywood Bowl pra download \o/


 OMG! Uma foto diferente!

Tudo legendado, prontinho pra baixar, you bastards! \o/

Se você quiser baixar o Flying Circus completo, clique aqui.

Monty Python and the Holy Grail (1975)
Parte 1 Parte 2 Parte 3 Parte 4

Monty Python's Life of Brian (1979)
Parte 1 Parte 2 Parte 3 Parte 4 Parte 5

Monty Python Live at Hollywood Bowl (1982)
Parte 1 Parte 2 Parte 3 Parte 4

Monty Python's The Meaning of Life (1983)
Parte 1 Parte 2 Parte 3 Parte 4 Parte 5

Ni!

Reações: 

Afinal de contas: o que diabos é um Chester?


Isso é um Chester.

Eu li a Superinteressante desse mês, e me deparei com uma coisa, er... superinteressante: um texto que explica o que diabos é um Chester. Yeah, um Chester, aquele prato típico de Natal que a Ana não gosta. Adivinha só: o tal do Chester nada mais é do que um frango. Desengonçado, mas um frango.

A história do frango-grande-e-desengonçado-que-quase-todo-mundo-come-no-Natal começou há 30 anos atrás, quando um executivo da Perdigão quis criar uma alternativa para o peru natalino da concorrente Sadia, que estourava nas vendas. O cara mandou dois técnicos para os fuckin' EUA, que voltaram com 11 linhagens de galinha escocesa. Essas galinhas foram para uma granja em Tangamandápio Tangará, no interior de Santa Catarina. A granja ficava protegida contra contaminação e garantia sigilo. Após 3 anos de desenvolvimento, surge em 1982 o tão famoso Chester – do inglês chest ("peito"). Anos depois, surge o Fiesta, outro frango superdesengonçado (ou o popularmente chamado "Chester da Sadia").

Mas e você, já viu um... ovo de Chester? Não? Pois é, nem eu. Os ovos de Chester são raros para pênis (assim como fotos de Chester na Internet). A produção desses fuckin' frangos mutantes é controlada e a venda proibida, só pra manter o lazarento exclusivo da Perdigão. Diz a marca que o Chester é alimentado com milho e soja, sem medicamentos, antibióticos ou anabolizantes.




Só pra relembrar: isso é um Chester.

Agora você sabe o que é um Chester.

(Fuck, quantas vezes eu disse "Chester"?)

Cheerio! o/

Reações: 

Voltei (porque vaso ruim NÃO quebra!)

Foi mal aê pelo meu "abandono" no No~Reason. Não, não foi por ter muita coisa pra fazer, muito pelo contrário. Era apenas falta de assunto. (EU FALO NA SARGADA MERMO!)

Hoje eu decreto oficialmente as minhas férias escolares, portanto, se preparem para mais posts idiotas, aleatórios e sem-sentido!

E por que não falar sobre o tão esperado último dia de aula? Ah, foi bem legal...
LEGAL? LEGAL DE CU É ROLA, RAPÁ! Foi a coisa mais sem graça que eu já vi em anos. Sem ovadas, sem farinha, sem gente assinando camisetas... Terminamos o ano com um simples "tchau". Não que eu quisesse levar uma ovada, mas que isso foi extremamente sem graça, isso foi...

E se algum de vocês quiser escrever a sua cartinha de fã, escreva aqui nos comentários!

Anyway, juro que volto com postagens decentes quando arranjar assunto!

Cheerio! o/

Reações: 

VA A MERDFA BRITNEY SPERMA VA PRA PUTA QUE PARIU!!!!

Reações: 

Nada a declarar apenas isso...


MEU PASTEL É O MAIS BARATO

Reações: 

Hoje é dia de RAP RAPÁÁÁÁ RAPPP

Que se dane,eu gosto se não gosta FODA-SE otario.


How, How, How, How, How

o o o o o o o o o o o
o o o o o o o o o o o

[chorus]
If it wasn't for the money, cars and movies stars and jewels
And all these things I've got
I wonder, hey
Would you still want me (Want you)
Would you still be calling me (Still calling you)
You be loving me? (I'll be loving you)

Wanna keep you flawed with no dough
Pimpin ain't easy
Trust me I know
When gangstas and hos
Go go go go go go together
Lke chinchilla and bad weather
I'm good but been better
All my bros, chedda and glamorous things
Copped a few cars
A crib with a east and west wing
Cuz this is how I'm livin and yall women know the secrets
Of how to get it and keep it
How to prey on my weakness
Cuz I want the p-u-s-s-y
Got a lotta niggaz wonderin it ain't just I
Gotta keep ya cash comin and that's on my life
If it wasn't for the money and the things I got
Shit, she probably wouldn't like me
But I keep her and irv and jeffrey quite icy
Sip seraphin
Who doesn't like me
And the murderous I-n-c

[Chorus]

[R KELLY]
How many girls does it take to get to
Mack status
Player status
Pimps that get
Ya boy half rich fore we hit show biz
But show biz brought next level chicks
Pull them in them hot cars go and buy the whole bar nigga
I came from the dirt what you want me to say
Im at the top of the world and lifes a pussy buffet
And that's why I get m-i-a
Shut the game down so the bustas can't play
Hell yeah I splurge money
Hell yeah I act funny
Look at you like fuck you
All the shit I been thru
It's a wonder why im still here
Said I was gone but im still here
And all you bitches that left me here
It's mighty strange how you right back here

[Chorus]

[JA RULE]
I wonder why love is about money
And why wou wanna take it all from me
Honey
My life is dark but its lovely
Crimes cars cribs aint that right kelly?
(Oh oh oh oh oh oh)
Yall bitches don't know
Money ain't a thang
Mami need a lil change
Girl I'm pitchin quarters
Closest to the arches but live in a fortress
New benzes new porsches
New cases new lawyers
im becoming the infamous notorious rule
Niggaz couldn't walk a mile in my shoes
Niggaz don't possess the heart that I do
And it's a wonder that I'm still here
Thought I was gone but I'm still here
And all you bitches that left me here
Its kinda funny how you right back there

[chorus]

OhOhOhOh

[R KELLY]
Oh oh oh oh oh
Oh oh oh oh (6x)

tradução
oh oh oh oh ooooh
oh oh oh oh
oh oh oh oh ooooh
oh oh oh oh
Não fosse pelo dinheiro,
os carros, as estrelas de cinema
as jóias e tudo
o que eu tenho
eu me pergunto
você ainda iria me querer?
querer você?
ainda me ligaria?
ligaria para você?
ainda me amaria?
amaria você?
hooooh
quero ver você sem grana
ser cafetão não é fácil,
eu sei
mas gângsteres e vadias
combinam tanto
quanto chinchila
e tempo ruim
estou bem,
mas já estive melhor
tenho grana
e coisas glamourosas
muitos carros e um cafofo
com alas leste e oeste
eu vivo assim e as mulheres
sabem tirar proveito disso
sabem como tirar
tudo de mim
é o poder do sexo
elas enrolam muito marmanjo,
não só a mim
nossa função é fazer
o dinheiro entrar
se não fosse o dinheiro
e as coisas que eu tenho
ela provavelmente
não gostaria de mim
mas eu a encho
de jóias e brilhantes
de tudo do bom e do melhor,
quem faz como eu
e o Murder Inc?
não fosse pelo dinheiro,
os carros, as estrelas de cinema
as jóias e tudo
o que eu tenho
eu me pergunto
você ainda iria me querer?
querer você?
ainda me ligaria?
ligaria para você?
ainda me amaria?
amaria você?
hooooh
quantas garotas são
necessárias para atingir
status de fodão?
status de gostoso?
cafetões que nos enchem
de grana
antes de fazermos sucesso
com o show biz
vêm as garotas de responsa
eu as ponho nos carrões
e vou comprar o bar inteiro
eu vim da lama,
o que quer que eu diga?
estou no topo do mundo,
tenho a gata que quiser
é por isso que
eu desapareço
pára com a palhaçada,
eu quero me divertir
claro, eu esbanjo dinheiro,
claro, eu acho estranho
e você não está nem aí
para o perrengue que passei
é um milagre
eu ainda estar aqui
eu disse que sairia fora,
mas continuo aqui
e todas as vadias
que me largaram aqui
é estranho,
mas elas voltam
não fosse pelo dinheiro,
os carros, as estrelas de cinema
as jóias e tudo
o que eu tenho
eu me pergunto
você ainda iria me querer?
querer você?
ainda me ligaria?
ligaria para você?
ainda me amaria?
amaria você?
hooooh
por que amor tem a ver
com dinheiro?
e por que você quer tirar
tudo de mim, querida?
a minha vida é sombria,
mas é adorável
crimes, carros, camas,
não é, Kelly?
vocês, vadias, não sabem
dinheiro não traz felicidade,
mudem a mentalidade
ficam rodando bolsinha
na rua
mas moram numa fortaleza
Mercedes, Porsches,
casos, advogados
eu estou até ficando
famoso no tribunal
ninguém aturaria
o que eu aturo
ninguém tem o coração
que eu tenho
é um milagre
eu ainda estar aqui
eu disse que sairia fora,
mas continuo aqui
e todas as vadias
que me largaram aqui
é estranho,
mas elas voltam
não fosse pelo dinheiro,
os carros, as estrelas de cinema
as jóias e tudo
o que eu tenho
eu me pergunto
você ainda iria me querer?
querer você?
ainda me ligaria?
ligaria para você?
ainda me amaria?
amaria você?
hooooh
oh oh oh oh ooooh
oh oh oh oh
oh oh oh oh ooooh
oh oh oh oh

Reações: 

Olhe sempre pro lado mais brilhante da vida (8)

"Cheer up, Brian!"



Some things in life are badAlgumas coisas na vida são ruins
They can really make you mad Elas podem deixá-lo realmente louco
Other things just make you swear and curse Outras coisas só o fazem xingar
When you're chewing on life's gristle Quando você está mastigando a cartilagem da vida
Don't grumble, give a whistle Não resmungue, dê um assobio
And this'll help things turn out for the best E isto ajudará as coisas mudarem para melhor
And... E...


...always look on the bright side of life...sempre olhe pelo lado brilhante da vida
{whistle} (assobio)
Always look on the light side of life Sempre olhe pelo lado claro da vida
{whistle} (assobio)


If life seems jolly rottenSe a vida parece divertidamente podre
There's something you've forgotten Existe algo que você esqueceu
And that's to laugh and smile and dance and sing E isto é rir e sorrir e dançar e cantar
When you're feeling in the dumps Quando você está se sentindo no lixo
Don't be silly chumps Não seja bobo, amigo
Just purse your lips and whistle - that's the thing Só enrugue seus lábios e assobie - esta é a solução


And... always look on the bright side of lifeE...sempre olhe pelo lado brilhante da vida
{whistle} (assobio)
Come on Sempre olhe pelo lado brilhante da vida
Always look on the bright side of life (assobio)
{whistle}


For life is quite absurdPor a vida ser absurda
And death's the final word E a morte a palavra final
You must always face the curtain with a bow Você deve sempre encarar a cortina com uma saudação
Forget about your sin - give the audience a grin Esqueça sobre seu pecado - dê à platéia um sorriso
Enjoy it - it's your last chance anyhow Aproveite - é a sua última chance mesmo


So always look on the bright side of deathEntão sempre olhe pelo lado brilhante da morte
Just before you draw your terminal breath Antes de soltar seu último suspiro
Life's a piece of shit A vida é uma pedaço de merda
When you look at it Quando você olha para ela
Life's a laugh and death's a joke, it's true A vida é uma risada e a morte é uma piada, isto é
You'll see it's all a show Verdade
Keep 'em laughing as you go Você verá, isto tudo é um show
Just remember that the last laugh is on you Continue sorrindo enquanto você vai

Só se lembre que a última risada está em você


And always look on the bright side of lifeE sempre olhe pelo lado brilhante da vida
{whistle} (assobio)
Always look on the right side of life Sempre olhe pelo lado certo da vida
{whistle} (assobio)


Come on guys, cheer upVamos lá, caras, animem-se


Always look on the bright side of life...Sempre olhe pelo lado brilhante da vida...


Always look on the bright side of life...Sempre olhe pelo lado brilhante da vida...


Worse things happen at sea, you knowAs piores coisas acontecem no mar, você sabe


Always look on the bright side of life...Sempre olhe pelo lado brilhante da vida...


I mean - what have you got to lose?Eu digo - o que você tem a perder?
You know, you come from nothing Você sabe, você veio do nada
- you're going back to nothing - você está voltando para o nada
What have you lost? Nothing! O que você perdeu? nada!


Always look on the bright side of lifeSempre olhe pelo lado brilhante da vida...



Reações: 

MACONHA!!! -eco do yu-gi-oh-


assista agora os novos podrutos dus podre shop

Reações: 

Pingüim explosivo! (eu ainda uso o trema.)



BURMA!

Reações: 

isso é bacana

Reações: 

Faz sentido...

Reações: 

Só para não dizer que estou chato ultimamente...

Bem...ultimamente só ando postando coisas tristes e depre,nem entro mais no msn,e mexo no pc de manhã,para não ter contato com gente "shata" saudade da Ana rapá =/
enfim,Ana ou Rafael sinto saudade do Rafael tambem,bem...como ia dizendo,só para não dizer que eu só posto coisas tristes,vai aqui um video idiota que provavelmente vai se encaixar no quadro "videos toscos" la vai,cara admito não ri com esse video,mas por um milesimo de segundo,foi engraçado.

Reações: 

Gente chata, posers e afins

Post clichê sobre gente clichê. Odeio essa gentinha chata e esses malditos posers adolescentes. Blargh. ¬¬

Entenda-se por gente chata: pessoas comuns que com certeza não farão falta alguma na sua vida. Só pra citar exemplos: mais da metade dos meus "amigos" no orkut/MSN... Gente chata sem assunto, sem cabeça, sem conteúdo, sem nada! E o pior: aquela mania irritante de escrever "tudoo assiiim". Essa modinha de dobrar as vogais me irrita demais, cara. Por exemplo:


'        Meniinaa shataa ; diz:
oiee
Ana diz:
Oi.
'        Meniinaa shataa ; diz:
tudoo benhee?
Ana diz:
Tudo, e você?
'        Meniinaa shataa ; diz:
tudoo tambeiin
'        Meniinaa shataa ; diz:
o qee vce taah fazendoo?
Ana diz:
Baixando umas músicas e editando o blog...
'        Meniinaa shataa ; diz:
sooh

Conversa típica de MSN. Todo dia tem um mala pra me encher o saco com isso. E sabe o que é pior? ELES SEMPRE FALAM A MESMA COISA! Fotos de "bandas boas" no orkut, frases toscas no "quem sou eu", comunidades toscas, amigos toscos... ARGH!
E é claro, dentro desse grupinho de gentalha estão os posers. Eu já fiz um post sobre esses merdinhas há algum tempo atrás, então você sabe a minha opinião sobre eles...

E tem mais: se gostou, gostou; se não gostou, EN-GU-LA!

FIM DE PAPO.

Reações: 

ctrl+c ctrl+v

A LINHA TÊNUE QUE SEPARA A VIDA DA MORTE. CIÊNCIA E ESPIRITUALIDADE : ATENÇÃO : MAIS ABAIXO, APÓS OS O RELATOS DESSA REPORTAGEM, VOCÊ TERÁ INSTRUÇÕES QUE PERMITIRÃO ASSISTIR A UM VÍDEO QUE REGISTRA OS DEPOIMENTOS DAS PESSOAS ENVOLVIDAS E OS LOCAIS DAS EXPERIÊNCIAS. ********** É um dos maiores enigmas da Ciência. Um ponto de interrogação que pesa sobre a cabeça de todos aqueles que não têm uma Religião ou simplesmente não acreditam em Deus : Afinal, existe ou não, vida após a morte ? A pesquisa feita em 10 hospitais da Holanda analisou 1500 pessoas no leito de morte. Pelo menos 63 delas voltaram para contar o que viram. É a primeira vez que a ciência assina esse tipo de experiência. O médico Britânico Sam Parnia, do Hospital Geral de Southampton, no sul da Inglaterra, foi um dos chefes da pesquisa feita na Holanda : “ Entrei descrente, não acreditava em Deus, muito menos na existência da alma. Agora, tenho minhas dúvidas. Acho que algo muito maior do que nós existe e nos espera depois da morte ”, diz. As salas de ressuscitação dos hospitais serviram de laboratório para os pesquisadores. Noventa por cento das pessoas analisadas tiveram ataques cardíacos. Os outros 10% eram vítimas de acidentes : “ Zerávamos o cronômetro assim que o paciente era posto sobre a maca, dessa forma analisamos casos de pessoas que ficaram de 15 segundos a 43 minutos clinicamente mortas ”, conta o médico. Como eles sabiam que as pessoas estiveram realmente sem vida ? “ Porque tudo parou. O coração, a respiração, os impulsos do cérebro. Nada mais funcionava. Era gente que estava morta, mesmo que momentaneamente ”, afirma Sam Parnia. E o que acontecia ? “ Eles enxergavam nossa luta para trazê-los de volta à vida. Era como se a mente se desligasse do corpo e ficasse flutuando ao lado da maca. Alguns chegavam a tentar nos avisar que não adiantava mais continuar dando choque, pois o corpo já estava morto ”, relata. O cinema sempre usou e abusou desse tema : Mortos que voltam ou que jamais vão para o céu ou para o inferno. Mas será que é possível continuar vivendo sem um corpo ? Será que existe consciência independente do cérebro ? “ Para saber o que é normal, precisamos estudar o anormal ”, acredita o médico. Mas quem garante que nesses casos estudados existiu uma energia realmente fora do corpo ? “ Os fatos. De alguma forma a mente e a consciência continuaram existindo separados do cérebro dos pacientes estudados. Eles garantem que viam tudo de cima, quase do teto do hospital. E o mais interessante é que eles viram coisas que aconteceram exatamente no momento em que seus cérebros estavam temporariamente mortos. Os ouvidos não poderiam estar ouvindo e nem os olhos poderiam estar vendo ”, afirma. Mas a mente não pode ter criado essas imagens depois que os pacientes voltaram do coma ? “ Também pensamos nisso. Foi aí que descobrimos algo de arrepiar. Alguns pacientes viram coisas em outros cômodos do hospital. Um, por exemplo, vagou pelos corredores enquanto nós lutávamos para evitar a morte do seu corpo. Ele disse que foi até a sala ao lado e conversou com uma mulher. Deu o nome dela, a idade. Fomos investigar e descobrimos que naquela hora a tal mulher também estava clinicamente morta. Isso só nos faz acreditar que a mente dele falou com a mente dela ”, conta Sam Parnia. O caso que mais surpreendeu os pesquisadores aconteceu fora do hospital. Enquanto do lado de dentro os médicos trabalhavam pra ressuscitar um corpo, o dono desse mesmo corpo jura que saiu para dar um passeio. Foi até a um parque perto do hospital, viu um conhecido que depois confirmou que estava lá naquela hora. -> E o mais impressionante : “ Na hora de voltar, o paciente diz que presenciou um acidente na rua. Um homem foi atropelado. Os dois chegaram a conversar. Até que de repente, o paciente sentiu uma forte atração para voltar para o hospital. O homem atropelado teria desaparecido num facho de luz." "Checamos a história na delegacia e o atropelamento aconteceu mesmo !!! Só podemos acreditar numa coisa : As almas, ou seja lá o que for, se encontraram e depois tomaram rumos diferentes. A do nosso paciente voltou para o corpo. A do homem atropelado se foi ”, diz o médico." Foi para onde ? “ Os pesquisadores ainda não têm resposta. Isso vai depender de mais estudos. Por enquanto eles apenas cogitam. Essa energia pode ficar vagando eternamente, pode reencarnar em outro corpo, pode durar somente algum tempo e depois acabar. Nem se sabe ainda se essa energia é alimentada pelo cérebro ou se é o cérebro que se alimenta dela. Talvez, admitem os cientistas, sejam mesmo almas criadas por Deus, e que voltam para junto dele quando o corpo já não funciona mais...” Texto obtido do Sistema Globo. ********** CRÍTICAS COMUNS DE OPOSITORES SISTEMÁTICOS E SEMPRE DE PLANTÃO : Falta de Oxigênio ???!!! Com relação às possíveis causas que poderiam falsificar essas experiências, já existem respostas. Observem : Pesquisadores que acompanharam por um ano as EQM ( Experiências de Quase-Morte ) ou NDE ( Near-Death Experiences ) de sobreviventes de ataques cardíacos no Hospital Geral de Southampton, na Inglaterra, acreditam que encontraram evidências científicas que sugerem que a consciência pode continuar ativa após a morte cerebral. O estudo concluiu que alguns pacientes que sobreviveram a "morte clínica" realmente tiveram experiências paranormais, já que se recordavam de coisas que normalmente não poderiam lembrar. Os pesquisadores disseram que conseguiram eliminar as duas mais freqüentes explicações para as EQM : "falta de oxigenação cerebral" e "efeitos alucinógenos da combinação de drogas". Experiências de quase morte têm sido relatadas por séculos, mas no estudo de Parnia, descobriu-se que nenhum dos pacientes recebeu baixo nível de oxigênio, o que alguns céticos acreditam que possa contribuir para o fenômeno. “Quando o cérebro é privado de oxigênio, as pessoas tornam-se totalmente confusas, agitadas, e geralmente não têm quaisquer lembranças. Aqui há uma séria lesão cerebral, mas perfeita memória", disse Parnia. O Dr. Sam Parnia, pesquisador da Universidade de Southampton e o Dr. Peter Fenwick, consultor de Neuropsiquiatria da Universidade de Oxford, são Médicos respeitados mundialmente. A pesquisa foi tão promissora que esses Médicos constituiram uma Fundação para levantar verbas para futuros estudos e coleta de dados. Durante o estudo inicial, 63 pacientes de infarto considerados clinicamente mortos, e que voltaram do coma, foram entrevistados após reviver. Esses dois cientistas Britânicos tentam conseguir uma verba de US$ 256 mil para realizar um estudo em larga escala a fim de provar que pessoas clinicamente mortas podem realmente ter experiências fora do corpo. A pesquisa, apresentada a cientistas no Instituto de Tecnologia da Califórnia ( Caltech ) faz ressurgir o debate sobre se há vida após a morte e se existe aquilo que chamamos de alma humana. De acordo com o que é aceito pela Medicina, estas lembranças não deveriam ser possíveis, devido à ausência de atividade cerebral. No passado, outros estudos como este foram ridicularizados pela comunidade científica. Mesmo alguns especialistas que queriam acreditar acabaram se rendendo ao ceticismo, não por argumentos científicos que pudessem refutar tais experiências, mas por simples pressão social e religiosa do meio em que viveram. -------------------------- Perda da Consciência ???!!! Os céticos sugeriram também que as lembranças dos pacientes ocorreram nos momentos em que estavam perdendo a consciência, ou voltando a ela. Mas Parnia disse que quando um cérebro é traumatizado por um ataque ou acidente de carro, geralmente o paciente não se lembra dos momentos imediatamente antes ou depois de perder a consciência. Ao contrário, geralmente há um lapso de horas ou dias. "Fale com eles, e lhe dirão mais ou menos isso : Só consigo me lembrar do carro e a próxima coisa que sabia foi que estava no Hospital", disse ele. "Com um ataque cardíaco, o dano ao cérebro é tão intenso que paralisa o cérebro por completo. Portanto, seria de se esperar uma profunda perda de memória antes e depois do incidente", acrescentou ele. Nem Fenwick nem os outros cientistas envolvidos nesse tipo de pesquisa postulam a vida após a morte propriamente dita. Eles falam apenas de consciência após a morte. Mesmo assim, as implicações são enormes. Se as experiências próximas da morte e fora do corpo não vêm do cérebro, então, em que se baseia a consciência ? "Existem duas maneiras de se ver o universo, o modelo aceito atualmente diz que tudo é matéria", diz Fenwick. Em outras palavras, tudo o que a ciência considera "real" possui uma forma física que pode ser percebida por nossos sentidos. Mas este modelo, que os filósofos chamam de "materialismo radical", não pode explicar a existência da consciência, que não possui uma essência física. Então, como faremos para explicá-la ? "Um pequeno fato inexplicado acontece, e então surge a consciência", diz Fenwick a respeito do atual paradigma. No entanto, outra teoria propõe que a constituição básica do universo seja não a matéria, mas a própria consciência. É a abordagem transcendental, uma perspectiva compartilhada por muitas religiões. "Esta segunda forma de ver o universo faz com que seja muito mais fácil compreender estas experiências", diz Fenwick, que acredita que um dia a Ciência vai adotar a visão transcendental do universo. O advento da mecânica quântica, segundo a qual a matéria pode ter ao mesmo tempo uma forma física e uma forma ondulatória, é um passo nessa direção, afirma, assim como as recentes pesquisas em torno do poder da oração, que sugerem que as pessoas são beneficiadas pelas orações alheias, mesmo que não estejam cientes delas. Estes estudos foram interpretados por alguns estudiosos como um indício de que a consciência se comporta como um campo de força, semelhante aos campos magnéticos, que podem ser alterados pela interação com outros campos. Se isso for verdade, então é possível que a consciência de uma pessoa tenha influência sobre a de outra. Agora, Fenwick e Parnia esperam realizar novas pesquisas. Se eles conseguirem arrecadar o dinheiro de que precisam, irão estudar cem vítimas reanimadas de ataques cardíacos que tiveram experiências próximas da morte. De acordo com as pesquisas 30 delas podem ter tido experiências fora do corpo. A dupla pretende ainda colocar cartas acima da cabeça dos pacientes, que só poderão ser identificadas se vistas de cima - exatamente de onde as pessoas alegam ver seu próprio corpo na UTI. Mas será que isso vai convencer os céticos ? "Não, nada vai. Mas tudo bem", diz Fenwick, rindo. "É assim que a ciência progride. Qualquer pesquisa que proponha grandes mudanças na forma como as pessoas vêem o mundo é rejeitada. Mas vamos provar que a consciência não está no cérebro". Fontes : http://www.datadiwan.de/SciMedNet/library/articlesN75+/N76Parnia_nde.htm http://www.soton.ac.uk/~pubaffrs/0128.htm http://skepdic.com/nde.html http://www.damaris.org/dcscs/readingroom/2001/neardeathexperiences.htm Casos similares : http://www.stxinfo.hpg.ig.com.br/html/conscienciaaposamorte.html Em dezembro de 2001, o Neurologista holandês Pim Van Lommel do Hospital Rijnstate, na cidade de Arnhem, liderou uma equipe que publicou um artigo no respeitado Jornal de Medicina Britânico "The Lancet". O estudo mostrou que 18% dos pacientes com morte clínica que puderam depois ser ressuscitados podiam lembrar de experiências próximas da morte mesmo anos depois do evento. Outro estudo, este conduzido nos Estados Unidos pelo pai da pesquisa das experiências próximas da morte, Kenneth Ring, usou pacientes cegos, que se lembravam de ter visto seu corpo enquanto se encontravam clinicamente mortos, embora ligeiramente fora de foco. O livro Mindsight foi inspirado neste estudo. Para finalizar, e como complemento, vejam a reportagem feita pela BBC de Londres sobre o caso : http://news.bbc.co.uk/1/hi/health/1685311.stm Obs.: Para assistir ao Vídeo que resume os fatos acima, acesse o Site www.geocities.com/jeffersonhpbr , do qual foi baseado esse Artigo. Após passar da Página de entrada, clique em TEXTOS e depois em Texto 10. Ao final, Você terá todas as instruções de como assistir ao citado vídeo, o qual necessita do Programa Real Player - Versão 8 ( mínima ).
Pessoas clinicamente mortas voltam para contar o que viram ...

Pessoas clinicamente mortas voltam para contar o que viram ...
O Espírito que sai, no momento da morte.

O Espírito que sai, no momento da morte.

Fonte: Renovação
leia a notícia completa »

Reações: 

...

Desejar o mal,se alto flagelar,desejar a morte das pessoas,chorar,desesperado,angustia,magoa,tristesa,raiva,ÓDIO,DOR,uma unica saida,a morte,uma excolha alternativa continuar vivendo,uma saida,apagar tudo oque lhe fez sentido,uma excolha alternativa,morrer e esquecer tudo parar a dor,dor dor dor dor dor dor dor dor dor dor dor dor dor dor dor dor dor incessante dor,ao pensar que seus semelhantes estão piores,mas sua doir parece ser enorme,tão grande quanto você imagina,quando uma pessoa que já esta louca morre,ou melhor,tira sua vida,sua alma não tem direito nem ao céu nem ao inferno,ela fica presa a este mundo,presa ao oque levou ela a morte,as vezes ela nem sabe que esta morta,pois sua vida fica se repetindo,todo dia,mas...ela sofre,sofre mesmo morta,dizem que as dores de uma alma perturbada são maiores do que dores carnais,sabe...dores carnais não são tão grandes assim,sinto dor....sinto odio e sintoi fome,não comi nada o dia todo,farei greve de fome,para ver se minhas enfermidades da alma,passam,eu queria parar de sentir dor...não direi o motivo de estar magoado,mas lhes digo,o seu blogueiro Helton...ele tem muita sorte,de ainda estar vivo e de não pensar em se matar,eu não tenho a solução eu não tenho a saida,quando almas ficam perturbadas elas ficam assim...


e sabe,elas buscam por alguem que compreenda elas,que ajude elas,elas não querem te machucar querem apenas chamar sua atenção,oque elas não puderam fazer em vida,amar em vida,creer em vida lutar dizer em vida,elas tentam em morte...não sinta medo,sinta pena delas...afinal,um dia todos seremos mais uma alma perdida.

Reações: 

EU FALO MAL DE LUA NOVA MEEEEEEEEEERMO RAPÁ



Reações: 

FOR PORN!!!!!

Reações: 




Vingança

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Nota: Se procura telenovela da SIC, consulte Vingança (telenovela).

Vingança consiste na retaliação contra uma pessoa ou grupo em resposta a algo que foi percebido ou sentido como prejudicial. Embora muitos aspectos da vingança possam lembrar o conceito de igualar as coisas, na verdade a vingança em geral tem um objetivo mais destrutivo do que construtivo. Quem busca vingança deseja forçar o outro lado a passar pelo que passou e/ou garantir que não seja capaz de repetir a ação nunca mais.

A ética da vingança é acaloradamente debatida na filosofia. Alguns acreditam que ela é necessária para se manter uma sociedade justa. Em algumas sociedades se acredita que o mal inflingido deve ser maior do que o mal que originou a vingança, como forma de punição. A filosofia de "olho por olho" citada no Velho Testamento da Bíblia (Exôdo 21:24) tentou limitar o dano causado, igualando ao original, para evitar uma série de ações violentas que escalassem rapidamente e saíssem do controlo. Outros argumentam contra a vingança alegando que se assemelha à falácia de que "Dois erros fazem um acerto". Alguns cristãos interpretam a passagem de Paulo "A mim a vingança; a mim exercer a justiça, diz o Senhor" (Epístola aos Romanos 12:19, na versão da Bíblia Sagrada da editora Ave Maria) como significando que apenas Deus tem o direito de praticar a vingança.

Sobre as bases morais, psicológicas e culturais da vingança a filósofa Martha Nussbaum escreveu: "O senso primitivo do justo — notadamente constante de diversas culturas antigas a instituições modernas . . . — começa com a noção de que a vida humana . . . é uma coisa vulnerável, uma coisa que pode ser invadida, ferida, violada de diversas maneiras pelas açoes de outros. Para esta penetração, a única cura que parece apropriada é a contrainvasão, igualmente deliberada, igualmente grave. E para equilibrar a balança verdadeiramente, a retribuição deve ser exatamente, estritamente proporcional à violação original. Ela difere da ação original apenas na sequência temporal e no fato de que é a sua resposta em vez da ação original — um fato freqüentemente obscurecido se há uma longa sequência de ações e contra-ações".

Vendeta é uma sequência de ações e contra-ações motivadas por vingança que são levadas a cabo ao longo de um extenso período de tempo por grupos que buscam justiça; ela foi uma parte importante de muitas sociedades pré-industriais, especialmente na região mediterrânea, e ainda hoje persistem em algumas áreas. Durante a Idade Média não se considerava um insulto ou injúria resolvidos até que vingados.

No passado feudal do Japão a classe samurais mantinha a honra de sua família, clã, ou senhor através do katakiuchi (敵討ち), ou assassinato vingativo. Esses assassinatos também envolviam os parentes daquele que ofendeu. Hoje em dia o katakiuchi é perseguido principalmente através de meios pacíficos, porém a vingança permanece uma parte importante da cultura japonesa.

Os sistemas legais modernos ocidentais geralmente afirmam que sua intenção é a reabilitação ou a reinserção na sociedade. Porém, mesmo nestes sistemas a noção de justiça como vingança persiste em setores da sociedade. A vingança é um prato que se serve frio, diz o ditado popular.


Reações: 


Raiva e ódio

O Ódio é mais profundo que a Raiva. Enquanto a Raiva seria predominantemente uma emoção, o Ódio seria, predominantemente, um sentimento. Paradoxalmente podemos dizer que o ódio é um afeto tão primitivo quanto o amor. Tanto quanto o amor, o ódio nasce de representações e desejos conscientes e inconscientes, os quais refletem mais ou menos o narcisismo fisiológico que nos faz pensar sermos muito especiais.

Assim como o amor, só odiamos aquilo que nos for muito importante. Não há necessidade de ser-nos muito importantes as coisas pelas quais experimentamos Raiva, entretanto, para odiar é preciso valorizar o objeto odiado.

A teoria do Sujeito-Objeto, diadaticamente coloca a idéia de que existem apenas duas coisas em nossa existência, eu, o sujeito e o não-eu, o objeto. E tudo o que sentimos, desde nosso nascimento, são emoções e sentimentos em resposta ao objeto. Para que essa teoria possa ter utilidade é imprescindível entendermos o objeto como tudo aquilo que não é eu, mais precisamente, tudo aquilo que não é minha consciência.

Assim sendo teremos os objetos do mundo externo ao sujeito, que são as coisas, os fatos, os acontecimentos, e os objetos internos, que são nossos órgãos, nossa bioquímica, etc. Podemos sentir raiva, e outros sentimentos, em resposta a algum objeto externo (pessoa, trânsito, time de futebol...) ou sentir ansiedade, e outros sentimentos, em resposta a algum objeto interno (hiperteireoidismo, diabetes, TPM, etc...).

Mas, de qualquer forma, o mundo objectual (do não eu) só pode ter valor se o sujeito o atribui. Para o sujeito nutrir sentimentos de ódio, é indispensável que atribua ao objeto de seu ódio um valor suficiente para fazê-lo reagir com esse tipo de sentimento. Obviamente, se ignorar o valor do objeto não poderá odiá-lo.

Em termos práticos podemos dizer que a raiva, como uma emoção, não implica mágoa, mas em estresse, e o ódio, como sentimento, implica uma mágoa crônica, uma angústia e frustração. Nenhum dos dois é bom para a saúde; enquanto a raiva, através de seu aspecto agudo e estressante proporciona uma revolução orgânica bastante importante, às vezes suficientemente importante para causar um transtorno físico agudo, do tipo infarte ou derrame (AVC), o ódio consome o equilíbrio interno cronicamente, mais compatível com o câncer, com arteriosclerose, com a diabetes, hipertensão crônica

Reações: 

O que é Depressão?

Depressão (do latim depressione) é uma palavra freqüen- temente usada para descrever nossos sentimentos. Em primeiro lugar, depressão não é um estado de tristeza profunda nem desânimo, preguiça, estresse ou mau humor. A depressão, enquanto evento psiquiátrico, é algo bastante diferente: é uma doença como outra qualquer que exige tratamento. Mesmo assim, podemos considerar a depressão como natural período de transição. São tempos de mudanças e crescimento, épocas que antecedem novos horizontes de amadurecimento do ser em constante processo de evolução.

Para entendermos melhor essa diversidade de sintomas de- pressivos, vamos considerar que, entre as pessoas, a depressão seria como uma bebedeira geral, onde cada pessoa alcoolizada ficasse de um jeito: uns alegres, outros tristes, irritados, engraçados, dorminhocos, libertinos... A única coisa que todos teriam em comum é o fato de estarem sob efeito do álcool, todos estariam tontos, com os reflexos diminuídos, etc. Na depressão também. Cada personalidade se manifestará de uma maneira.

Na verdade, ninguém sabe o que um deprimido sente, só ele mesmo e talvez quem tenha passado por isso. Nem o psiquiatra sabe: ele reconhece os sintomas e sabe tratar, mas isso não faz com que ele conheça os sentimentos e o sofrimento do seu paciente.

Tipos de Depressão

Há dois tipos de depressão: monopolar (não é um termo usado oficialmente) e a depressão bipolar (este termo é oficial). A depressão bipolar se caracteriza pelo transtorno afetivo, ou seja, a alternância de fases deprimidas com maníacas, de exaltação, alegria ou irritação do humor. A depressão monopolar só tem fases depressivas.

Causas

A causa exata da depressão permanece desconhecida. A explicação mais correta é o desequilíbrio bioquímico dos neurônios responsáveis pelo controle do estado de humor. Em nosso cérebro existem mensageiros químicos chamados neuro-transmissores que ajudam a controlar as emoções. Os dois mensageiros principais são a serotonina e a norepinefrina. Os níveis aumentam ou diminuem, mudando nossas emoções. Quando os neuro-transmissores encontram-se em equilíbrio, sentimos a emoção certa para cada ocasião. Quando alguém está deprimido, os mensageiros químicos não estão em equilíbrio. Mas isso ocorre em algumas pessoas e não em outras. Sendo que em certas famílias é mais freqüente. Por isso, a tendência genética ainda é alvo de estudos para que se encontre a causa da depressão.

Eventos estressantes como perda de pessoa querida, perda de emprego, mudança de habitação contra vontade, doença grave e pequenas contrariedades, ainda não são considerados fortes suficientes para desencadear depressão. Porém, em pessoas que têm a tendência genética, esses fatores podem se transformar em depressão. Além disso, alguns medicamentos, como os remédios para pressão alta, podem causar depressão. O álcool e algumas drogas ilegais podem piorar a depressão.

Sintomas - Você sofre de depressão?

Como outras doenças, a depressão tem certos sintomas. Uma vez que esses sintomas são reconhecidos, pode-se tomar providências para o tratamento. Faça o seguinte teste para saber se você (ou alguém de sua família ou um amigo) pode estar deprimido. Durante a maior parte das duas últimas semanas, você:

Sentiu-se triste, preocupado ou aborrecido?

Sentiu que sua vida era monótona, sem possibilidades de melhorar?

Tem tido crises de choro?

Ficou irritado com coisas pequenas que antes não o perturbavam?

Não se diverte mais com seus passatempos ou atividades que antes o alegravam?

Sentiu falta de autoconfiança ou sentiu-se fracassado?

Tem dificuldade para dormir, ou tem dormido muito?

Tem dificuldade de concentração ou de tomar decisões?

Tem menos interesse em sexo do que antes?

Tem pensado em morte e/ou suicídio?

Se algumas respostas foram afirmativas, este possivelmente é um quadro depressivo. Mas para afirmarmos que o paciente está deprimido, temos que afirmar que ele sente-se triste a maior parte do dia e quase todos os dias, não tem tanto prazer ou interesse pelas atividades que apreciava, não consegue ficar parado, e pelo contrário, movimenta-se mais lentamente que o habitual. Passa a ter sentimentos inapropriados de desesperança, desprezando-se como pessoa e até mesmo se culpando pela doença ou pelo problema dos outros, sentindo-se um peso morto na família. Com isso, apesar de ser uma doença potencialmente fatal, surgem pensamentos de suicídio. Esse quadro deve durar pelo menos duas semanas para que possamos dizer que o paciente está deprimido.

Tratamento

O primeiro passo no tratamento é consultar o médico que irá estabelecer as causas. Atendimento médico, medicação antidepressiva, aconselhamento e apoio da família e amigos são meios eficazes no tratamento. Orientação, entendimento e cuidados nas dosagens das medicações são os passos fundamentais.

O médico precisa conhecer os sintomas e saber por quanto tempo você tem se sentido deprimido. A visita pode incluir um exame físico e testes laboratoriais. Assim, os problemas físicos podem ser descartados, e o médico irá poder fazer um plano de tratamento efetivo para você. Seu médico poderá fazer algumas perguntas, como:

Alguém em sua família sofre de depressão?

Você está tomando algum medicamento?

Você sofreu alguma alteração ou perda importante em sua vida?

Você tem tido alterações no sono ou no apetite?

Você tem pensado em morte ou suicídio?

Você tem dificuldade de se concentrar no trabalho?

Você tem sentido mudanças no desejo sexual?

Estatísticas

  • Os períodos depressivos são mais comuns no sexo feminino. Sendo 3,2% no feminino e 1,9% no sexo masculino.
  • Estima-se que 5,8% dos homens e 9,5% das mulheres passarão por períodos depressivos em 12 meses.
  • A depressão contínua afeta de 15% a 20% das mulheres e de 5% a 10% dos homens.
  • Em 20% dos casos, a depressão segue um curso contínuo, especialmente quando não há tratamento adequado.
  • Embora a depressão possa manifestar-se em qualquer momento, a incidência mais alta é nas idades médias. Mas há um crescimento reconhecido durante a adolescência e início da vida adulta. Portanto, manifesta-se com maior freqüência entre os 20 e 50 anos.
  • Aproximadamente 2/3 das pessoas com depressão não fazem tratamento. Entre os pacientes que procuram o clínico geral, apenas 50% são diagnosticados corretamente.
  • A maioria dos pacientes não tratados irá tentar suicídio pelo menos uma vez. Sendo que 17% conseguem se matar.
  • Com tratamento correto, 70% a 90% dos pacientes recuperam-se.

Fonte: Organização Mundial de Saúde (OMS)

Extraído de www.psicosite.com.br

Reações: 

Técnicas para saber se alguem esta mentindo!

Março 20, 2008

Embora conheçamos mentirosos habituais, impossíveis de serem desmascarados, alguns não conseguem esconder o nervosismo e acabam se entregando. Quando estiver desconfiado de que seu animado interlocutor está tentando lhe passar a conversa, preste atenção em sua linguagem corporal. Ele provavelmente…

Evitará olhar nos olhos


Olhos são mais sinceros que palavras, e uma pessoa que está conscientemente mentindo receia que, através do olhar, transmita um sentimento que o contradiga (provavelmente, nervosismo, ansiedade ou uma ponta de arrependimento).

Terá ataques de coceira


Ok, não são ataques, mas a ansiedade gerada pela necessidade de convencer sobre algo falso cria pequenos tiques, como ficar passando a mão no cabelo, coçando o nariz, esfregando os olhos…

Falará Demais


Uma pessoa culpada tende a falar do que o costume, a fim de ‘parecer natural’, exagera nos detalhes e não suporta pequenos silêncios entre os assuntos.

Terá mudanças emocionais


A frequência e a duração de gestos emocionais, como sorrisos, gargalhadas, abraços e até tapinhas nas costas difere do habitual, uma vez que a pessoa perde a espontaneidade ao fingir suas próprias reações.

Pulará de um assunto a outro


Ao mudar constantemente o foco da conversa, o mentiroso tenta criar um novo contexto e evitar que a outra pessoa, ao repensar um tópico do assunto anterior, perceba a mentira.

Terá desequilíbrio


Uma pessoa tranquila e relaxada permanece algum tempo na mesma posição. Alguém ansioso, ao contrário, costuma ficar mudando o peso corporal de um pé para outro.

Explicará demais


Ao menos que seja um mentiroso profissional e improvisador, a pessoa que conta uma mentira ensaiou mentalmente antes, elaborou um cenário e detalhes para parecer convincente e elencou justificativas para possíveis perguntas. Se alguém chega até você um um discurso espontaneamente elaborado demais, pode ser mais sina.

Reações: 

Sabe oque falta nesse blog???

Falta um gostinho brasileiro nessa ah ah nessa po%$#$rra entonsses eu disse ENTONSSES la vai um sambinha enrredo pra vocês se deliciarem com a nossa linda cultura que cada dia nos da mais e mais orgulho de dizer "sou brasileiro CARA$#%LHO CARA¨%$¨LHO"


Reações: 

Você está bem, sim.

Pra você ver que a sua vida não está tão ruim quanto você pensa.

Tá, já é a 3ª vez que eu falo do G. Chapman no blog, mas sei lá, esse vídeo me motivou.
Mesmo sabendo que iria morrer em breve por causa do câncer incurável, ele continuou sorrindo.

O vídeo não tem legendas... se bem que você não precisa de legendas pra perceber o estado que o cara ficou.

Reações: 

O dia em que o mundo se perde...


Não vou corrigir erros de português neste post,que se dane os erros...
Sabe...se você parar e pensar na sua vida,ver como ela realmente é,você vai vomitar sangue,de tão nojenta e repulsiva que ela pode ser,o mundo não é bom,aqui é o verdadeiro inferno,estamos no inferno,moramos e vivemos nele,por mais que você não queira,mas a terra é o inferno,de 10% de coisas boas e de coisas que você gosta de fazer,80% são coisas ruins,coisas prejudiciais coisas que você não gosta de fazer,o mundo esta podre...esta consumido pelos perdedores,consumido pela maldade,e o caos só faz sentido neste mundo,aqui o poder do mais forte é regido por sua força bruta,embora pessoas "normais" como eu,podem ganhar em inteligencia.
Sabe todo ser humano apesar de brutal,pode ser facilmente vencido quando manipulado mentalmente,todo ser humano é manipulável,todo ser humano é vulnerável a sentimentos.
Oque eu aprendi nesses 19 anos de vida é que,você sempre vai ser vitima de algo,se não for do sistema,vai ser de sua mulher,ou de seus pais,até mesmo de você mesmo,ou de alguem que lhe aponta uma arma na cabeça,somos todos vitimas,e vou te dizer,sabe qual é a pior parte de tudo isso???Saber que não podemos fazer nada,a não ser conviver com toda essa escuridão e esta loucura,este caos onde os insaciáveis por sangue andam soltos,e os cidadães de bem,ficam presos,onde todos pensão que podem brincar de ser Deus,e esquecem de rezar para o verdadeiro deus,onde o ser humano comanda,mas não ajuda,onde a busca por poder,chega a ir alem de tudo,e acaba destruindo tudo vivo,um mundo que pra mim,já esta perdido faz anos,e que pra você,seja o mesmo.

Reações: 

Apelo ao bem-estar do nosso amado blog

Como diria o Helton, "eu vim aqui pra te falar uma coisa importante, rapá": aí do lado tem o feed do nosso blog, então... sigam-nos os bons! (clichê. Eu sei.)

Outro aviso importante: por favor, please, onegai shimasu, pelo amor de todas as merdas que a gente posta aqui, COMENTEM nos nossos posts! Os únicos que comentam aqui são eu, o Helton e o Rafael! (Rafael, 'cê vai ganhar um prêmio por ser o Provavelmente-Seguidor-Mais-Fiel-Ao-No~Reason...)

Não deixem de usar o Chat do Blog, também no cantinho... e divulguem! (Ana, sua idiota, isso é um dever SEU!)

FIM DE PAPO.



P.S.: um peso de 16 toneladas cairá sobre você se você não comentar nos nossos posts.

Reações: 

LADY GAGA IMITA MONTY PYTHON!

O Graham Chapman, mais precisamente.

Reações: 

Somente o ódio me faz sentido...


Já se imaginou em um mundo onde tudo oque gosta,ama e tudo oque considera,vira cinzas???
Simplesmente todos lhe esquecem,e você começa a odiar todos que um dia amou,começa a odiar suas amizades,começa a odiar seus familiares e deseja o mal de seus conhecidos.
Deseja ver mortos,todos aqueles que já cruzaram seu caminho um dia,e deseja ver mortos,todos aqueles que fazem seus supostamente amigos,felizes.
Deseja ver destruição e caos,deseja estar de pé em quanto todos caem aos seus pés,deseja ser superior a tudo,ser maior,e forte,deseja pisar sobre os corpos pútridos de seus inimigos,deseja morrer,ao ter de viver mais um pouco para ter de suportar essa dor do ódio.
Por que deste ódio,você se pergunta,então o ódio lhe traz a agonia,juntamente com o desespero e o medo,embora você não saiba mais oque é medo,já que esta tão iludido com o seu próprio ódio.
Varias vezes você pensou "vou me matar" "hoje é meu fim" mas no final da noite,você esta vivo para amanhã contar uma nova história,sentir uma nova dor,criar uma nova cicatriz,mesmo que todo o sangue imundo de seu corpo se derramasse no azulejo de seu quarto,mesmo assim não seria o suficiente para você.
"Você deveria temer a Deus e não pensar bobagens meu filho",sua mãe diz,mas você já o teme,e pede perdão por seus pecados cometidos,mas...mesmo assim,continua a sentir esse ódio,e retorna a pecar.
Você ora e pede por piedade,pede para não odiar mais,mas as pessoas que você ama,lhe dão mais e mais motivos para odiar o mundo...o mundo te odeia,e você odeia ele,entretanto você é fraco e não pode fazer nada contra o mundo,talvez seja meu ultimo dia....talvez não...espero que não...

Reações: 

Lendas de horror: A Salsicha Estragada Demoníaca


Baseado em fatos reais.

Há algum tempo atrás, um inocente juvenil criado a leite com pêra estragada chamado Helton resolve comer a maior vina (ou salsicha, whatever) que estava ali, lhe seduzindo para a gula. O problema é que ele não sabia que a nefasta, diabólica, infernal e obscura salsicha estava… estragada! *música de suspense!*

Não demorou muito para que o efeito da salsicha maligna começasse. O pobre cheirador de meias (e conseqüentemente lunático, portanto, blogueiro do No~Reason) Helton ficou com a cara I-DÊN-TI-CA à cara da guria do Exorcista. Devastação! Guerra! Sangue! Horror! Uma multidão se alastrava ao redor de Helton! O lazarento começou a se contorcer de tanta dor. Sua face estava verde como a do Máskara. Não havia remédio nessa porra de bola azul chamada Terra que o curasse de tamanho sofrimento!

– E agora, quem poderá me salvar? – implorou o filho duma égua.

De repente, um vulto aparece no céu, cortando as nuvens. Ele pousa em frente ao comedor de salsichas estragadas. A multidão ao redor de Helton começou a indagar: quem é ele? é o Super Homem? é o Batiman na Feira da Fruta? é o Jaspion? é o National Kid? é o Dr. Gori? NÃO! Só poderia ser… O INCRIVELMENTE FÉTIDO HOMEM-CAGADA!

Não tema, filho! O Homem-Cagada veio lhe socorrer!, disse o destemido Homem-Cagada.

Thank you! – respondeu Helton, como se fosse um daqueles ovos de Yoshi resgatados no Mario World.

O Homem-Cagada estava prestes a entrar em ação. Ele abriu a sua Maleta de Merda e pegou o seu Lactopurga 3.0, diretamente retirado dos testes da ALAEM –Associação Latino-Americana de Especialistas em Merda.

Vencendo a luta contra a salsicha ou não, ali estava um cabra-macho, pronto para tudo o que pudesse acontecer. Seu gesto heróico seria lembrado por todos para sempre (principalmente pelo Rafael).

O Helton tomou 5 Lactopurgas (só pra garantir). Ele cagou. E cagou. E cagou mais. Cagou tanto que pensou que havia cagado o pescoço, o pâncreas e um pingüim sem cabeça assado que ele comeu há 1 semana atrás…

Merda, fedor, salsichas, glória, terror, vitórias, derrotas, pingüins sem cabeça: tudo isso você leu nesse post, mil vezes melhor do que Crepúsculo.

Reações: 

Clipe e letra

Room Of Angel

Silent Hill

Composição: Akira Yamaoka

You lie, silent there before me.
Your tears, they mean nothing to me,
The wind howling at the window,
The love you never gave,
I give to you,
Really don't deserve it,
But now, there's nothing you can do.
So sleep, in your only memory
Of me, my dearest mother...

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

So insignificant, sleeping dormant deep inside of me,
Are you hiding away, lost, under the sewers,
Maybe flying high, in the clouds?
Perhaps you're happy without me...
So many seeds have been sown in the field,
And who could sprout up so blessedly,
If I had died I would have never felt sad at all,
You will not hear me say 'I'm sorry'
Where is the light, wonder if it's weeping somewhere?

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],

Here's a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don't feel enough for you to cry, [oh well]
Here's a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

Quarto Do Anjo

Você mente silenciosamente, bem diante de mim.
Suas lagrimas, não me significam nada.
O vento, assoviando na janela.
O amor, que você nunca deu.
Eu dou a você.

Realmente não o merece.
Mas agora, não há nada que você possa fazer.
Então durma, em sua única memória de mim.
Minha mais querida mãe.

(Refrão)
Está aqui uma canção de ninar para fechar seus olhos "adeus".
Era sempre você que eu desprezava.
Eu não sinto o bastante por você pra chorar "oh, bem".
Está aqui uma canção para fechar seus olhos "adeus".
Adeus...
Adeus...

Tão insignificante, dormindo profundamente dentro de mim.
Você esta se escondendo perdido
abaixo dos esgotos?
talvez voando alto nas nuvens.
Quem sabe você é feliz sem mim.

tantas sementes foram semeadas no campo.
Em quem pode brotá-las tão abençoadamente,
se eu tivesse morrido?
Eu nunca teria me sentido triste.
Você não vai me ouvir dizer, eu sinto muito.
Aonde está a luz?
me pergunto se está chorando em algum lugar.

(Refrão)
Está aqui uma canção de ninar para fechar seus olhos "adeus".
Era sempre você que eu desprezei.
Eu não sinto o bastante por você pra chorar "oh, bem".
Está aqui uma canção para fechar seus olhos "adeus".

(Refrão)
Está aqui uma canção de ninar para fechar seus olhos "adeus".
Era sempre você que eu desprezei.
Eu não sinto o bastante por você pra chorar "oh, bem".
Está aqui uma canção para fechar seus olhos "adeus".
Adeus...
Adeus...

Reações: 

Hoje é dia de mikaru,fuck






Reações: 

Por quê odiar o Twitter

O que você está fazendo agora?

Escrevendo um post sobre uma coisa inútil que nunca vai fazer falta na minha vida: o Twitter.

Qual é a graça disso, afinal? Por quê diabos eu gostaria de saber se você está cagando, vendo hentai TV, tentando fechar Mario World ou whatever?

O cara que teve a idéia de criar o Twitter deveria estar mais desocupado do que eu quando criei o No~Reason, fato. ._.

Mas… POR QUE ESSA MERDA FAZ SUCESSO?! Será que é falta do que fazer, puro modismo ou excesso de adolescentes acéfalos na Internet?

Uma das explicações viáveis (?) é que existem várias celebridades que usam o tal do “Tuíter”, and so, os fãs criaram contas no Twitter só para saber o que seus ídolos estavam fazendo. Okay… Mas, pense comigo: por quê infernos eu gostaria de saber o que um mané qualquer faz? (Não que não existam “manés famosos”, muito pelo contrário…)

Por outro lado (e é um grande lado), é uma modinha besta, sim. A maioria dos usuários são adolescentes desocupados que só querem seguir o Rafinha Bastos ou os caras do Restart/Cine/qualquer banda idiota. Daqui a um ano ou menos que isso, muita gente já vai ter abandonado o Twitter. Lembra do “boom” do Second Life? Então… com o Twitter não vai ser diferente.

Porra, até o John Cleese (a.k.a. o Python mais alto) tem Twitter! Por que um cara tão inteligente desses criou uma fuckin’ conta nessa merda? Às vezes me dá uma vontade de criar uma conta lá só pra dizer pro Cleese: “Foi mal aí, Cleese, mas você é inteligente e não precisa de um Twitter.” (em inglês, OF COURSE!)

Analisando por outro grande lado (fuck, quantos “lados” essa porra tem?), o Twitter… facilita seqüestros. Sim, seqüestros! Suponhamos que um usuário poste algo mais ou menos assim: “fui em tal lugar ja volto bjs.” Um seqüestrador pode muito bem ler essa postagem, ir ao “tal lugar” e… seqüestrar o lazarento.

Não que o Orkut não seja uma merda, mas… Merda por merda, prefiro o Orkut.

A propósito, eu não odeio o Rafinha Bastos – só odeio as bandinhas emos toscas tipo Restart, Cine e derivados. ;)

FIM DE PAPO.

Reações: 

Domingo-feira dia D...


Postar bobagens (ow fuck,my fucking horn),bem...geralmente venho a este humilde blog,para postar videos,traduções ou games que vi online,ou escrever sobre quando estou triste/bravo e tal,mas hoje vim para fazer uma coisa nova,uma coisa new rapa,sabe eu estava refletindo,neste dia chuvoso e pensando,"puxa como a vida seria boa se tudo desse certo",bem...eu e Kratos temos a solução para os seus problemas,jogue sillent hill =D,é isso,fim de papo







Reações: